Blog Free Classificados | Sac@freeclassificados.com | Whatsapp: 11995901930 

Especialista aponta 3 setores da Web3 que podem bombar em 2023 e que os investidores precisam ficar de olho

/
/
/
257 Views



Recentemente, em um relatório produzido pelo seu centro de pesquisas, a Visa declarou que a Web3 é uma das principais tendências que podem redefinir o setor de pagamentos e de movimentações financeiras.

A gigante mundial de pagamentos aponta que a crescente digitalização do cotidiano, proporcionou muitos avanços em aplicativos e ecossistemas Web3 habilitados em blockchain e os consumidores se mostraram bastante receptivos a novas experiências digitais baseadas em tecnologia blockchain, recompensas de tokens e NFTs.

“Além disso, estamos vendo um aumento de experiências digitais imersivas e experiências de comércio de produtos digitais — desde produtos físicos que são digitalizados (roupas, livros e outros) até toda uma nova categoria de produtos digitais que não existem ainda (economia no metaverso: meta shoppings, metamercados, metaescritórios, etc.)”, destacou a empresa.

Rodrigo Hype, fundador e CEO da Live The Future, destaca que a Web3, acima de tudo, é um movimento cultural, que traz diversos players distintos com um mesmo objetivo: trazer soluções para internet que sejam mais justas, inclusivas e possibilitem nos dar um controle maior de nossas informações, não sendo reféns de grandes plataformas, criando iniciativas e projetos que visam mudar a forma tradicional de se conectar.

Ele afirma que junto a todo esse movimento que inclui desenvolvedores, investidores e entusiastas, passamos por muitos momentos, e, na minha visão, estamos começando a caminhar para cada vez mais a tecnologia se tornar popular, trazendo soluções que impactem verdadeiramente as pessoas, fazendo com que elas se tornem fãs.

Diante desta possibilidade disruptiva que a Web3 pode criar, o especialista apontou 3 setores da Web 3 que podem bombar em 2023 e que os investidores precisam ficar de olho. Confira.

Projetos e eventos com o foco em educar as pessoas

Projetos e eventos com o foco em educar pessoas comuns para entender esse grande mercado tendem a crescer. É de extrema importância para o movimento que mais pessoas entendam os conceitos de Web3 e, desta forma, saibam diferenciar boas iniciativas e possíveis fraudes, já que no meio de toda inovação, há pessoas e empresas mal-intencionadas.

Quanto mais pessoas são educadas mais o ecossistema cresce, trazendo usuários, construtores e investidores para o mercado.

No mesmo caminho da educação básica, vão surgir cada vez mais MBA’s e cursos que visam profissionalizar cada vez mais membros do ecossistema, sendo cursos de desenvolvimento com foco em blockchains, cursos profissionalizantes voltados ao marketing como “Community Manager”e Collab Manager irão surgir, o que vai tornar o mercado cada vez mais profissional.

NFT’s e tokens com foco em benefícios reais

Passamos por uma grande onda onde os NFT’s entraram para mídia. Podemos citar o caso do Neymar gastando milhões em “figurinhas”, que, na verdade, são obras de artes digitais sendo vendidas por milhões, e muito hype em torno do assunto, isso sem mesmo mencionar a real função que os NFT’s podem ter.

Acredito que, após essa grande onda, muitos projetos estão começando a ser construídos com foco em fazer iniciativas que tragam utilidades e benefícios reais atrelados a essa tecnologia.

Por meio disso, grandes empresas, como a Reserva X, estão criando uma base grande de consumidores, que além de estarem entrando para o universo da Web3, podem obter benefícios reais como acesso exclusivo à compra de produtos, descontos exclusivos e até receber produtos reais ao realizar a compra de um NFT!

D’apps

Aplicativos descentralizados tendem a crescer cada vez mais em uma era onde nossos dados são comercializados por grandes empresas sem ao menos sabermos o que ocorre. Aplicativos que sejam baseados na blockchain possuem grandes chances de surfar a onda desta nova tecnologia. 

Em uma rede social descentralizada, o usuário é dono de seus seguidores e não corre o risco de ter sua rede deletada, o que ocorre frequentemente no modelo atual. Além de estar surgindo iniciativas onde você possa até mesmo levar sua base de fãs para outras redes do ecossistema!

D’apps vão além de redes sociais e também vão surgir em modelos de aplicativos de jogos e compras!

LEIA MAIS

Aviso: Esta não é uma recomendação de investimento e as opiniões e informações contidas neste texto não necessariamente refletem as posições do Cointelegraph Brasil. Cada investimento deve ser acompanhado de uma pesquisa e o investidor deve se informar antes de tomar uma decisão.

Fonte de dados: Cointelegraph

Leave a Comment

Your email address will not be published.

This div height required for enabling the sticky sidebar
Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views :
Fale Conosco!